segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Sonho



Eram duas da manhã, passava um bom bocado depois de ter estado a pensar em ti. O pensamento deixou invadir-se pela tua presença, desejou-te, agarrou-te mais uma vez, beijou-te…
Uma lágrima escorrida na nádega, tremia sem ter frio, vibrava com o bater do teu doce coração, teimando em não cair. O magnetismo do teu corpo quente, não conseguia secar a doce lágrima. Por fim escorreu mais um pouco, tinha crescido e tomado proporções suficientes para na virilha deixar o seu sabor.

Quente, com um odor afrodisíaco, excitou os pelos encaracolados, a pele transpirava um suco aromático que ao evaporar-se formava uma nuvem em forma de um cavalo branco.
A passo, caminhava pelo corpo fora, o odor espalhava-se na pele, a gota estava maior e acumulada entre as pernas fechadas, ocultando o charco que a gota tinha provocado. À volta do mamilo lá andava o cavalo, provocando uma saliência no meio cada vez mais alta, até que soltara outra gota. Era branca como a seiva que escorre nas flores que te ofereço.

Unidos no mesmo corpo, espalhando tal excitação nele, uniram-se mais uns quantos sentimentos que gritando em conjunto proporcionaram a mais bela viagem fora deste mundo. Percorreram outros mundos, novas galáxias… o poder da vibração era tal provocara mais um acordar sobre a manhã.


Foto google

5 comentários:

cαтια. disse...

Excelente descrição. Gostei.

Beijinho*

Joana disse...

:O

só agora li... confesso que fiquei surpreendida, não esperava esse tema, muito menos de forma tão intensa...

há coisas que gosto bastante e outras que não gosto tanto.
com mais tempo, mais paciencia e mais bateria no portátil, volto para desenvolver a minha opinião.

Mas desde já os meus parabens pela ousadia!

Joana disse...

Mas sabes? quando se é ousado...

se se é de facto bom, é-se aplaudido...
se se é razoàvel, passa-se despercebido...
mas se se for mau, (para rimar eu diria) está-se bem f**ido.

Joana disse...

*mas se se é mau

(ai os erros gramaticais!)

...Bella... disse...

UAU! Ta mesmo exelente! Lindo!

Beijoca*